#Entretenimento – Séries Que Comecei a Ver Em 2018

Não é novidade nenhuma que eu sou uma doida por tudo o que é séries. No entanto, admito que sou um pouco picuinhas com as séries que possam ter potencial para pertencer à minha grande coleção.

ImpoliteThunderousCranefly-size_restricted.gif

Com o fim de algumas séries e o começo de outras, hoje vim falar de algumas séries que despertaram a minha atenção este ano:

911

 

Temporada: 1| Número de Episódios/Temporada: 10

Vamos ser sinceros por um bocado: Existem muitas séries que retratam o mundo caótico da saúde… Existem séries especificas para o mundo hospitalar, outras para o mundo do crime, outras para o mundo dos bombeiros, etc etc. Então, eu fico sempre de pé atrás quando começo a ver este tipo de séries porque existem tantas por aí e o conteúdo começa a ficar super repetitivo. Por isso, eu entendo se ficares de pé atrás em começar a ver esta… Mas acredita que vais sentir tudo menos desilusão!

Do que que se trata? Esta série é um drama que explora e mostra a ligação existente entre o mundo dos policias, paramédicos e bombeiros. Para além destes, também temos uma vista de olhos no mundo daqueles que atendem as chamadas de emergência através da personagem Abby Clark, uma solteirona de 40 e poucos anos que vive com a mãe que sofre de Alzheimer. Vivemos o mundo dos bombeiros através de um grande conjunto de personagens que fazem parte do quartel principal da cidade, comandado por Bobby Nash, um viúvo que perdeu a família numa tragédia que ainda o assombra até hoje. O mundo dos policias é retratado pela fantástica Athena Grant, uma mulher negra que vive com o seu maridão homossexual, Michael, e os seus dois filhos.

Despertou curiosidade? Eu não deixava esta passar de lado. Cada episódio começa com uma chamada para a linha 911 e o inicio de uma tragédia. No entanto, também ficamos presos com o desenrolar das histórias de cada personagem principal que pertence a cada um dos mundos que mencionei acima e como o mundo destas personagens acabam por se cruzar!

The Resident

 

Temporada: 1| Número de Episódios/Temporada: 14

Ui… Ui… Vou vos dizer uma coisa: Se vocês são loucos por séries que retratam o meio hospitalar, então é garantido que irão enlouquecer com esta série. Não só se perdem no charme do Conrad Hawkins, maravilhosamente interpretado por Matt Czuchry, como também se perdem no desenrolar da história que é retratada de forma tão crua, fria e real.

Do que que se trata? A série passa-se no Chastain Park Memorial Hospital, localizado em Atlanta, Georgia, e explora o funcionamento interno do mesmo, mergulhando bem fundo em assuntos pouco mencionados em séries hospitalares como negligência médica – que é mais comum do que pensamos -, violações perante a ética médica e sobre os direitos humanos, não só dos pacientes mas também dos funcionários. Todos estes assuntos são trazidos à tona com o desenrolar das histórias tanto do Conrad Hawkins, um residente do terceiro ano, que não se rege pelas regras hospitalares mas sim, pela sobrevivência e bem-estar dos seus pacientes, da Nicolette “Nic” Nevins, uma enfermeira e também, ex-namorada de Hawkins, e do Devon Pravesh, estagiário de primeiro ano de Medicina atribuído aos serviços de Hawkins e também dos dois chefes diabólicos da cirurgia que comandam o hospital, Lane Hunter e Soloman Bell.

Esta série está tão bem feita e vale mesmo a pena dar uma vista de olhos.

Há mais pormenores que gostava de mencionar, mas se o fizesse, não saiamos daqui nem hoje nem amanhã. Mas ela abre os olhos sobre muita coisa que se passa no mundo da saúde e garanto que a perspetiva/dinâmica desta série vai moldar a tua forma de pensar e vai cativar a tua atenção até ao último segundo de cada episódio.

Atlanta

 

Temporada: 2| Número de Episódios/Temporada: 10, 11

Atlanta foi outra descoberta deste ano que me surpreendeu pela positiva! Nunca tinha ouvido falar dela, mas quando a recomendaram, dei uma chance ao primeiro episódio. Depois de o ver, foi impossível de largar. Ela é uma comédia dramática, muito complexa, ao ponto de deixar-te a pensar, tanto sobre o que acabaste de ver, como também nas mensagens que cada episódio pretende passar para o público.

Do que que se trata? Atlanta apresenta a história de dois primos, Earn Marks e Alfred Miles, que sonham em conseguir suceder no mundo da música, nomeadamente, no mundo do rap de Atlanta para que possam melhorar as condições das suas vidas e da família. O que mais cativa nesta série é a jornada destes dois no mundo da música e também o desenrolar das suas histórias pessoais, que, por sua vez, vão mostrando críticas sociais escondidas.

No entanto, esta série retrata assuntos importantes que para alguns podem passar despercebidos porque ela é à base de comédia. Tu ris do inicio ao fim e depois, chegas ao final do episódio com aquela expressão: “Espera lá…” e começas a pensar e a perceber o que que eles queriam transmitir ao público com aquele episódio. É incrível, eu amo.

lala.jpg

E o que me dizem?! Despertei alguma curiosidade nas vossas mentes?

Estão a pensar em ver alguma ou já vêem uma que mencionei?

Contem tudo nos comentários!

Fiquem atentos a novos artigos a cada Quarta, Sexta e Domingo da semana.

Espero que tenham gostado do artigo.

Xoxo

Facebook Instagram Twitter

Advertisements

One thought on “#Entretenimento – Séries Que Comecei a Ver Em 2018

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s